terça-feira, 18 de maio de 2010

Priscila Ferreira da Silva

Minha irmã...
Como fazer uma homenagem que chegue aos teus pés, como conseguir descrever um sentimento inexplicável. Como superar o fato de não poder te abraçar, passar uma tarde contigo, nem mesmo ouvir a tua voz.
O sentimento que sinto é de grande e infinito amor, ao mesmo tempo com uma saudade profunda.
Me lembro de quando passávamos tardes sentadas conversando, lembro quando tu conheceu o meu querido cunhado, eu ainda era pequena, estava lá na casa do nosso pai e ele te ligou e eu tímida apenas dei um "oi", enquanto por ti passaria semanas no telefone com ele.
Lembro o quanto tu se importava e se importa comigo, me arrumava, brincava/cuidava de mim sem esquecer de nada.
Quando recebi a triste notícia de que não iria mais morar contigo, ou seja o pai e a mãe iriam se separar e cada uma seguiria seu rumo morando com seu pai/mãe. Eu era ainda pequena, apenas 3 anos, mas me lembro como se fosse ontem. Com os olhos repletos de lágrimas me agarrei na tua blusa e disse: "Mana tu pode ficar só mais um pouquinho?". Tu olhou pra mim, ao mesmo tempo para o pai e a mãe que com um gesto de sim com a cabeça, aquele dia deixou de ser triste para mim, pois por mais uma semana eu iria desfrutar da tua presença.
Novamente esse triste fato se repetiu, eu já era mais crescidinha, mas a dor não mudou, dessa vez era pior tu não iria mais morar na mesma cidade que eu, havia resolvido construir uma nova vida ao lado de seu esposo em outra cidade. Pronto, pela 2ª vez iria perder a minha única e melhor irmã! Posso não ter demonstrado mas a tristeza foi de uma imensidão.
Sinto tua falta e como! É só eu enxergar uma menina parecida contigo para eu cair em pranto. Pois quem for que seja, e que esteja em sua sã consciência não aguentaria ficar um mês longe de ti. E aqui estou eu. Posso até aguentar, mas confesso que não é fácil.
Querida irmã, que nesse dia tão especial, tu tenhas toda a felicidade do mundo, meus parabéns! Parabéns, parabéns e parabéns!

"Eu tenho tanto pra lhe falar, mas com palavras não sei dizer, como é grande o meu amor por você ♫"

Um comentário:

  1. Carol!!!!!!!!minha mana linda!!!nossa não cabe aqui,tamanha gradidão a Deus por ter me dado essa menina linda,carinhosa e iluminada que é vc como minha irmã!não tenho palavras para expressar meu sentimento por vc,pois é infinito o meu amor.lembro como se fosse hoje,cuidava de vc como se fosse minha boneca...hehehe dava banho,trocava a roupa..e os cabelos o q era os teus cabelos cada dia com um pentiado diferente,era xuca pra cá,xuca pra lá...depois de arrumada era as poses para foto,dava aquele sorriso que só vc consegue dar..lembro que eu te inrritava um pouco...hehehe lembra daquele ursinho da parmalate q era uma onça e vc tinha medo..hehehehehelembro das latas de nescau q vc comia puro não sei com quem aprendeu????hehehe,mas por ironia do destino,fomos separadas e não podemos mais compartilhar e viver fatos novos,a vida infelismente é assim mesmo,faz parte né..ela prega muitas peças em nós..mas eu quero q vc saiba que pode contar sempre com sua mana aonde for que eu estiver estarei sempre pronta para te ajudar e te dar carinho..EU TE AMO DO FUNDO DOMEU CORAÇÃO,MUITO OBRIGADA POR EXISTIR E FAZER PARTE DA MINHA VIDA!!!!TE AMOOOOO
    "COMO É GRANDE MEU AMOR POR VC"

    ResponderExcluir